Para melhor visualização do site, utilizar navegador Google Chrome.

Blog

Amigo Sangue Bom!

25 de novembro de 2015
Tempo de leitura: 1 minutos

Doutores da Alegria

Comentario 0
Compartilhar 0

Uma bolsa de sangue pode salvar até sete vidas.

Hoje, 25 de novembro, é o Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue. Você já doou alguma vez? Tem vontade?

Os alunos da Faculdade de Medicina da USP, por meio da Associação Atlética Acadêmica Oswaldo Cruz, lançaram o Desafio Amigo Sangue Bom com a intenção de intensificar a prática da doação de sangue em parceria com a Fundação Pró-Sangue.

veja aqui os pontos de coleta de sangue (hemocentros)
sa

O desafio Amigo Sangue Bom

O desafio é simples: doe seu sangue e desafie 3 amigos a doarem também. Grave um vídeo e publique nas redes sociais. Não precisa ser nada elaborado! Faça com os seguintes hashtags: #amigosanguebom e #AAAOCsanguebom. Assim, todos podem acompanhar a evolução das doações da campanha.

Quando for doar, não se esqueça de identificar-se como Amigo Sangue Bom. A equipe da Pró-Sangue está orientada a recebê-los. Se você já é doador e doou há menos de três meses (no caso das mulheres) ou há menos de dois meses (no caso dos homens), não tem problema! Ou, se você for magrinho ou magrinha ou não preencher os outros critérios para doação de sangue, não tem problema também. Desafie 3 amigos a doarem no seu lugar! 

Sangue? De onde vem? Pra onde vai?

fonte: site da Fundação Pró-Sangue

O sangue é um tecido vivo que circula pelo corpo, levando oxigênio e nutrientes a todos os órgãos. É produzido na medula óssea localizada nos ossos chatos: vértebras, costelas, quadril, crânio e esterno. Ele é composto por células sanguíneas: glóbulos vermelhos ou hemácias, glóbulos brancos ou leucócitos, plaquetas ou trombócitos.

Após a coleta, a bolsa de sangue é encaminhada ao fracionamento, onde será separada em até quatro hemocomponentes.

As hemácias (glóbulos vermelhos) são utilizadas em casos de anemia (acidentes, cirurgias, transplantes, doenças crônicas etc). O concentrado de plaquetas é utilizado em pacientes com tratamento anticâncer e transplante de órgãos para evitar e tratar hemorragias. O crioprecipitado e o plasma são destinados a pacientes com alteração de coagulação e trombose e podem ser transformados em hemoderivados. O concentrado de leucócitos (glóbulos brancos) é utilizado no tratamento de infecções na deficiência de glóbulos brancos. 

Após esses procedimentos, as bolsas são armazenadas em local especial e em temperatura adequada para conservação por até 42 dias.

O prazo é curto, por isso as doações precisam ser constantes e se tornarem uma prática. Doe sangue e ajude a salvar vidas!



Categorias


Lá do arquivo

Deixe um comentário

avatar
  Receber notificação  
Notificação de
Existe 0 Comentário.